16/06/10

Poder podia mas...

|imagem Google|

...não me apetece minimamente. Detesto pessoas com idade corporal de um adulto e idade mental de uma criança. Ah, tens muito jeito a agitar garrafas de sumo, deves ter muita prática. Sim, deve ser a prática em dar estalos em gajos como tu que ousam em ser deselegantes. O que eu faço em casa só a mim me diz respeito e só partilho em quem de bom grado me aceite ouvir. Mangueira! Ando num período de inacriatividade deveras grande, acho que preciso de uma companhia feminina na minha vida: 1 corrector tendencioso em me informar o que vai de errado comigo. E, enfim, que me dê carinhos e coisas assim. Não sei se estas ideias chegaram com o fim da minha novela, mas pá... também, quer dizer, eles não tinham de arranjar todos par e terminarem felizes, não é? O Afonso morreu, mas não houve tripas nem nada, é um desgosto para quem acompanha a novela desde o princípio, não é? E a Patrícia Bull deveria fica comigo, não com aquele sujeito que ninguém soube quem era, quer dizer... E que fazia o Figueiras ali? Pá, fogo! Não vejo uma novela tão depressa na minha vida, nem que lá metam gajas nuas. (enfim, ponderaria...) Estive cá a pensar e será que, quem usa tshirt e calças com braguilha, pode continuar a falar com os seus botões? Acho que não faria sentido, não é?, mas também ninguém pensa nisso, é preciso eu iniciar a coisa! Estou revoltado... quando 1 sujeito corta o cabelo e chega à conclusão que está mais fofo, é porque decerto deveria ter menos tempo livre... Ham... alguém sabe tocar guitarra?