09/05/11

I'm not ugly, I'm exotic

Acho que está a estrear um novo capítulo da minha vida.
Há algo no ar, fadinhas e anões de porcelana.
Concorri ao programa de Bolsa de Mérito Social na minha faculdade e fiquei em 5º
lugar quando entravam 4. Depois, um desistiu e eu fui chamado. Se isto não é sorte
e se o Cláudio Ramos não é gay não sei o que (ou quem) é.
Então, dizem que faço 300 horas e me pagam as propinas.
Vou vaguear por todos os corredores com um cartão ao
pescoço que tem o meu nome a letras grandes a verde e
a negrito, e com uma foto deveras ilustrativa da minha 
sensualidade. Não percebo a necessidade das minhas tarefas,
mas é um trabalho cómodo e vantajoso. A vida está cheia 
de perplexidades. Também não sei se violar mulheres feias
é considerado crime menor, e não ando por aí a questionar.
|Motivation-Sum41|